English French German SpainItalian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
Belo Jardim,
 
Home A Cidade Prefeito Secretarias Portal da Transparência Símbolos Oficiais Notícias
Contato Guia Turístico Vice-Prefeito Em Ação! Redes Sociais Rádio PMBJ Telefones Úteis Galerias
 

 

A Fazenda Capim, onde se originou a atual cidade de Belo Jardim, em 1833 já fazia parte do Distrito de Paz de Jurema, pertencente a nova comarca do Brejo da Madre de Deus. Aos poucos, a fazenda de propriedade de Joaquim Cordeiro Wanderlei foi abrigando novos moradores, evoluindo rapidamente para um núcleo populoso que manteve o nome de Capim.

No povoado foi erguida uma pequena casa de orações onde, aos domingos, o pároco de Brejo da Madre Deus celebrava missas. Entre 1872 e 1873, os moradores do povoado Capim construíram uma capela sob a invocação de Nossa Senhora do Bom Conselho. Anos depois outra igreja foi erguida, esta em homenagem a Nossa Senhora da Conceição, que mais tarde seria a igreja-matriz do Município.

Esse nome foi mudado para Belo Jardim em 1881, por sugestão de Frei Cassiano de Camachio, quando pregava as missões naquela localidade. Progredindo a passos largos, foi elevada a categoria de vila através da lei estadual Nr. 260, de 03 de julho de 1897. O progresso de Belo jardim intensificou-se mais ainda a partir de sua nova situação administrativa e, especialmente, por encontrar-se no eixo da grande via de comunicação representada pela Estrada de Ferro Central de Pernambuco, cujos trilhos chegariam a sua área urbana em 1906, trazendo uma nova era para a localidade beneficiada, e ostracismo para os que ficaram ao largo.

Pertencente ao Município do Brejo da Madre de Deus, enquanto este vivia em decadência, a vila banhada pelo Rio Bitury progredia a olhos vistos, estabelecendo-se uma grande rivalidade e permanente disputa pelo poder, culminando com a ascensão de Belo Jardim a condição de sede do Município do Brejo da Madre de Deus e, concomitantemente, elevada a categoria de cidade graças ao dispositivo da Lei orgânica dos Municípios (Lei \par 991, de 01/07/1909).

Essa nova situação de cidade sede municipal deu-se pela lei no. 1.627, de 29 de marco de 1924, permanecendo ate 1928, quando, desmembrado do município do Brejo da Madre de Deus cuja sede voltou a ser a cidade de igual nome, foi criado o novo Município de Belo Jardim pela Lei Estadual no. 1931, de 11 de setembro do mesmo ano, tendo sido instalado em 01 de janeiro de 1929.

Belo Jardim guarda histórias fantásticas relacionadas à música. Um desses episódios ocorreu em 1953, quando as bandas rivais Filarmônica e Cultura disputavam para encerrar uma festa de rua e, como nenhuma abria mão de ser a última a se exibir, as duas permaneceram tocando 15 horas seguidas. O impasse só foi resolvido com a intervenção do Juiz de Direito, do promotor, do prefeito e do delegado da cidade que promoveram o seguinte acordo: os músicos iam sendo retirados paulatinamente, um de cada lado, até que a música silenciasse.

 

FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA

Em 1884, por força da lei provincial Nº 1.830 de 28 de junho, diante de esforços e influências, sobretudo do Capitão Gaudêncio Rodrigues d'Araújo, a próspera e crescida povoação foi elevada à freguesia, sendo provida canonicamente por D. José Pereira da Silva Barros, que, em provisão de 10 de junho de 1888, nomeou o primeiro vigário do local, o padre João Antônio Rodrigues. Finalmente, em 3 de julho de 1897, a Lei Estadual Nº260 elevou a freguesia à categoria de Vila.

1884 (28 de junho) Lei provincial Nº 1.830 criou a freguesia de Belo Jardim.
1897 (03 de julho)
Pela Lei Estadual Nº 260, votada pelo congresso legislativo do Estado de Pernambuco, sancionada pelo então Governador Dr. Joaquim Correia de Araújo, foi elevada a categoria de Vila.
1924 (29 de março)
Pela Lei Estadual Nº 1.627 a sede do município de Brejo da Madre de Deus passou a ser Belo Jardim, que, como sede municipal, viu-se elevada à categoria de cidade, em decorrência da Lei Orgânica dos Muncípios de Nº 991, em vigor desde 01 de junho de 1909.
1928 (11 de setembro)
Lei Nº 1.931 criou o município de Belo Jardim, com território desmembrado de Brejo da Madre de Deus.
1929 (01 de Janeiro)
Instalação do novo município.
1933
O município do Belo Jardim compõe-se do distrito sede e dos de Serra dos Ventos e Aldeia Velha (Xucuru).
1953 (30 de dezembro)

Pela Lei Municipal de Nº 40, foi criado o distrito de Água Fria.

 

FORMAÇÃO JUDICIÁRIA

A Comarca de Belo Jardim foi criada pela Lei Estadual Nº 1.931 de 11 de setembro de 1928. De acordo com os quadros de divisão territorial datada de 31/12/1936 e 31/12/1937, e o anexo ao Decreto-Lei Estadual Nº 92, de 31de março de 1938, a Comarca de Belo Jardim é formada pelos termos de Belo Jardim, Brejo da Madre de Deus e São Caetano, assim continuando na divisão territorial fixada pelo Decreto-Lei Estadual Nº 235 de 9 de dezembro de 1938, para vigorar no qüinquênio 1939 - 1943, apenas com alteração do topônimo do termo de Brejo da Madre de Deus, que se denomina então, Madre de Deus. Pelo Decreto-Lei Estadual Nº 952, de 31 de dezembro de 1943, a Comarca de Belo Jardim perdeu o termo de Madre de Deus, desmenbrado para constituir a nova Comarca desse nome. Segundo a divisão territorial vigente em 1944 - 1948 estabelecida pelo mencionado Decreto-Lei Estadual Nº 952, a Comarca de Belo Jardim é formado por dois termos, Belo Jardim e São Caetano. Em virtude do Decreto-Lei Federal Nº 7.300 de 6 de fevereiro de 1947, pôsto em execução no estado, pelo Decreto-Lei 1.116 de 4 do mesmo mês e ano, o termo de São Caetano foi desmenmbrado da comarca de Belo Jardim para constituir a Câmara de São Caetano. Distritos componentes atualmente de Belo Jardim: Água Fria, Serra dos Ventos, e Xucuru.

1928 (11 de setembro)
Lei Estadual Nº 1.931 cria a Comarca de Belo Jardim.
1938 (31 de março)
Pelo Decreto-Lei Estadual Nº 92, mais os quadros de divisão territorial datados de 31.12.1936 e 31.12.1937 a Comarca de Belo Jardim é formada pelos termos do Belo Jardim, Brejo da Madre de Deus e São Caetano.
1943 (31 de dezembro)
Pelo Decreto-Lei Estadual Nº 952, a comarca do Belo Jardim perdeu o termo de Brejo da Madre de Deus, este constituindo a nova comarca desse nome.
1945 (06 de fevereiro)
Pelo Decreto-Lei Federal Nº 7.300, o termo de São Caetano foi desmembrado da Comarca de Belo Jardim para constituir-se Comarca de São Caetano.
 
  Ir para o topo  

 

PORTAL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO JARDIM
Prefeitura Municipal de Belo Jardim
Av. Siqueira Campos, Nº 220 - Centro
CEP: 55150-005 - Fone: (81) 3726.8711
CNPJ: 10.260.222/0001-05
  Saiba Mais   Informações
A Cidade Notícias
Prefeito TV PMBJ
Vice-Prefeito Rádio PMBJ
Secretarias Telefones Úteis
Prefeitura em Ação! Portal da Transparência
Guia Turístico Contato
Símbolos Oficiais    
Nossas Redes Sociais
Facebook Facebook Twitter Instagram Google+ You Tube SoundCloud Comunidade Orkut Flickr